Portugal, Viagem

Lisboa – Parte 1/4

03/09/2016

Olá!

Primeira parte de 4 de posts e vídeos sobre Lisboa em Portugal, espero que gostem! 🙂

Nosso primeiro dia na cidade foi “curto”, começamos o passeio já tinha passado da hora do almoço. Mas deu pra ver lugares muito interessantes, como o Panteão Nacional e o Castelo de São Jorge…

Vem com a gente conhecer mais essa cidade incrível!

Lisboa é a capital e também a cidade mais populosa de Portugal. Tem aproximadamente 550 mil habitantes e quase 3 milhões de pessoas vivem na área metropolitana. Lisboa é uma dessas cidades super convidativas, cheinha de lugares e cantinhos para descobrir e nesse primeiro post/vídeo vou mostrar pra vocês apenas uma pequena parte de tudo que a cidade proporciona.

Como disse anteriormente, começamos nosso passeio um pouco tarde. Nosso camping ficava em Costa de Caparica, na cidade de Almada, do outro lado do Rio Tejo. Então para chegar até Lisboa precisávamos de um ônibus + um ferryboat e depois para chegar no local de início do nosso passeio, acabamos nos atrapalhando um pouco com o transporte público. O que a princípio seria apenas uma viagem de uns 30 minutos de ônibus, acabou tomando mais tempo… Esperamos o bendito ônibus por quase uma hora, ele não apareceu (a linha existe, mas naquele dia algo aconteceu), então fomos atrás de pegar um elétrico e depois um trem, no final das contas foram umas duas horas preciosas do dia perdidas, mas tudo faz parte do passeio e do aprendizado!

Então o trajeto foi o seguinte, saímos da Estação Fluvial de Belém, pegamos um elétrico na Rua da Junqueira (não lembro o número do elétrico), fomos até a estação Cais do Sodré e de lá pegamos o trem até a estação Santa Apolónia que fica pertinho do Panteão Nacional. E finalmente começamos o passeio! Aeeee!!! Hehe… 😉

O Panteão Nacional, ou Igreja de Santa Engrácia, destina-se a homenagear a memória de importantes cidadãos portugueses. No Panteão estão os túmulos de Teófilo Braga (presidente e escritor), Amália Rodrigues (cantora e atriz), entre outros. Também conta com alguns cenotáfios (memorial fúnebre), como o de Pedro Álvares Cabral e Vasco da Gama. Situado na zona histórica de Santa Clara é considerado o mais belo monumento barroco de Lisboa. Custa 4 euros pra entrar e o horário de visita muda conforme a época do ano. Para mais informações, clique aqui.

IMG_1776

Panteão Nacional – Lisboa

Depois de visitar o Panteão, fomos caminhando até o Castelo de São Jorge. Subidinha mais ou menos já que o castelo fica na colina mais alta da cidade.

IMG_1790

Lojinha no caminho para o Castelo de São Jorge.

O Castelo de São Jorge é um castelo medieval e foi construído no séc. XI pelos muçulmanos, que haviam invadido a península ibérica três séculos antes. Quando eles construíram o castelo, foi em cima de estruturas romanas e visigodas, portanto, é bem provável que já existia algo por ali construído pelas antigas civilizações, antes dos árabes chegarem. E não é a toa, já que a localização é bem estratégica e privilegiada.

colagem1

Quando Lisboa foi conquistada pelos cristãos, no séc. XII, o castelo passou a ser a residência do rei e sua corte. Teve função de paço real até o séc. XVI, quando Portugal foi integrado a coroa da Espanha e o Castelo de São Jorge passou a ser utilizado como prisão e fortaleza.

IMG_1816

Castelo de São Jorge – Lisboa

Em 1775 um terremoto atingiu Lisboa, várias áreas do castelo desabaram e novas construções foram feitas. No séc. XX, o castelo estava muito mal cuidado, mas em 1910 foi classificado como Monumento Nacional, restaurações foram feitas e hoje em dia é o monumento mais visitado e Portugal. E com merecimento, porque além de toda sua história, a vista que se tem de Lisboa desde o castelo, é linda!

IMG_1856

Pôr do sol, visto do Castelo de São Jorge.

O valor da entrada no castelo é de 8,50 euros e os horários mudam conforme a época do ano. Para mais informações, clique aqui.

Depois de visitar o Castelo de São Jorge, resolvemos descer caminhando até o centro da cidade para aproveitar um pouquinho mais de Lisboa… O movimento estava maravilhoso, bastante gente na rua, bem movimentado mesmo, muito bom sentir essa vibração da cidade.

colagem2

No vídeo, quando me despedi, estava na região do Chiado, um dos bairros mais emblemáticos e tradicionais de Lisboa, coloquei o ponto no mapa também, porque a área é bem central e tem vários restaurantes, cafés, livrarias, o Consulado do Brasil (a gente nunca sabe quando pode precisar, né?!) e estação de metrô. 😉

Mapa da nossa rota:

E por último, mas não menos importante, o vídeo do nosso passeio:

E assim termino a primeira parte dessa nosssa passagem por Lisboa… Semana que vem tem muito mais!! Então espero vocês aqui!

VEJA TAMBÉM

Sem Comentários

Deixe uma Resposta